Turismo | Cidades | Culinária |


Principal Geografia Mapa Meteorologia Calendário Administração
Vídeos   Outras

Mais de mil propriedades rurais trabalham para o desenvolvimento agropecuário, onde está a maior fonte de renda do município. As rodovias MG-173 e BR-381 ligam o município ao resto do País. No dia 24 de junho, dia de São Padroeiro, a cidade fica em festa. Todos participam. A sua origem confunde-se com o processo de desbravamento no interior de Minas empreendido pelas entradas e bandeiras. Por volta de 1675 a 1678, a expedição de Fernão Dias Paes instalou a fazenda Boa Vista nas paragens de Deserto Dourado e Deserto Desnudo. Dentro da fazenda, no Sítio da Cachoeira, à margem do ribeirão do Carmo, veio residir a família Rates, dando origem ao povoado, que foi elevado a paróquia em 1857, com o nome de Cachoeira do Carmo, pertencendo ao município de Lavras. Depois de 11 anos, recebeu o nome de Cachoeira do Carmo do Rates e foi incorporado ao município de Três Pontas. De 1870 a 1873, o distrito volta a pertencer a Lavras, de onde foi desmembrado duas vezes, para finalmente ser incorporado a Varginha, em 1881. Em 1938, é emancipado. No município encontra-se um importante acervo histórico, como o Cemitério dos Escravos, que contém significativo material arqueológico. Pesquisas confirmam a possibilidade de o cemitério ter sido construído não só para sepultamento de escravos, mas, também, para a prática de ritos mortuários, num sincretismo religioso das culturas negra e indígena. Atrativos naturais completam a beleza da cidade, dentre os quais destacam-se o rio Carmo do Cervo, a floresta típica do maciço da Mantiqueira e as cachoeiras do Pai Paulo e do ribeirão do Carmo. Fonte: Secretaria da Cultura em 01/10/1999
Potential borrowers to continue payday loan within our money.

DENOMINAÇÕES ANTERIORES: CACHOEIRA DO CARMO<; CACHOEIRA DO CARMO DO RATES



BússolaNet®2014